Wishlist
R$ 0,00
0 item(s)

Você não tem itens no seu carrinho de compras.

Produto adicionado no carrinho x
  • Antonio Malta Campos, Sem título Antonio Malta Campos, Sem título
  • Antonio Malta Campos, Sem título Antonio Malta Campos, Sem título
  • Antonio Malta Campos, Sem título Antonio Malta Campos, Sem título
  • Antonio Malta Campos, Sem título Antonio Malta Campos, Sem título

Antonio Malta Campos +

"Sem título (Conjunto 2)" (cód. 7354)

Seja o primeiro a avaliar este produto

  • Gravura
  • Data 2018
  • Técnica impress„o com pigmento mineral em papel Hahnemuhle Photo RagÆ 308g
  • Dimensões ( A x L) 26 x 21 cm (cada)
  • Edição 10 + 3PA

DISPONÍVEL PARA ENVIO EM ATÉ 7 DIAS ÚTEIS

R$ 8.000,00
em até 10x de R$ 884,00*
ver parcelas
  • 1x de R$ 8.000,00
  • em até 2x de R$ 4.000,00
    sem juros no cartão de crédito
  • em até 3x de R$ 2.666,67
    sem juros no cartão de crédito
  • em até 4x de R$ 2.030,00*
  • em até 5x de R$ 1.648,00*
  • em até 6x de R$ 1.393,33*
  • em até 7x de R$ 1.211,43*
  • em até 8x de R$ 1.075,00*
  • em até 9x de R$ 968,89*
  • em até 10x de R$ 884,00*
O pintor, que há tempos expressava a vontade de criar pinturas digitais, desenvolveu com um iPad e uma caneta de ponta capacitiva, 3 conjuntos de 6 desenhos cada. Apesar de não reproduzir piamente, o artista ressalta e explora a interessante ideia dos aplicativos de tentar copiar as tintas e traços como se fossem pincelados à mão. Sendo assim, na verdade, originando obras que só são possíveis digitalmente. Posteriormente, expandiu sua técnica explorando texturas e cores destas obras com auxílio do Photoshop. Valor da obra sem moldura. A obra acompanha certificado numerado e assinado pelo artista.

Mais obras deste artista

Antonio Malta Campos

São Paulo (SP), 1961 | Vive e trabalha em São Paulo (SP), Brasil

Antonio Malta Campos é pintor, desenhista, aquarelista e gravador. Iniciou sua carreira em 1982, como um dos fundadores do ateliê Casa 7, onde ficou até 1983. Neste mesmo ano, formou ateliê com Maína Junqueira, sua colega de FAU-USP. Em 1985, Maína Junqueira e Antonio Malta realizaram sua primeira exposição de pinturas, "Apto 13", no Centro Cultural São Paulo.

Na segunda metade dos anos 1980, Antonio Malta participou de algumas exposições coletivas, vindo a se formar arquiteto na FAU-USP em 1991. Até 1997, trabalha com arquitetura. Em 1998, retoma a carreira de artista plástico, expondo na coletiva "Além do Arco-Íris", na FAAP.

Nos anos 2000, realiza exposições individuais em São Paulo. Em 2012, expôs mais de vinte pinturas no Centro Cultural São Paulo, em conjunto com as esculturas de Erika Verzutti (curadoria de José Augusto Ribeiro). Suas obras passam a fazer parte de coleções importantes, como as de Andrea e José Olympio Pereira (Brasil) Charles Saatchi (Londres), Pinacoteca do Estado de São Paulo (Brasil) e MAR - Museu de Arte do Rio (Rio de Janeiro, Brasil).

Em 2014, Malta participa da coletiva "Pangaea: New Art from Africa and Latin America", na Saatchi Gallery (Londres). Em 2016, ocorre sua primeira participação em uma Bienal de São Paulo (32ª Bienal), onde Malta mostra quatro grandes dípticos em óleo sobre tela, e uma instalação com 249 "Misturinhas", pequenas obras experimentais em técnica mista sobre cartão, feitas durante um período de 15 anos. Além disso, recentemente apresentou individuais em diversas galerias nacionais e internacionais e teve obras expostas na coletiva "Afinidades Afetivas", na 33ª Bienal de São Paulo.

Galerias representantes

Galeria Leme, São Paulo

Destaques da carreira

Antonio Malta Campos

  • "dípticos" | 2016 | 32a Bienal de São Paulo
  • "Misturinhas" | 2016 | 32a Bienal de São Paulo
  • "Misturinhas" | 2016 | 32a Bienal de São Paulo
TOPO